Seguidores

quarta-feira, 7 de março de 2012

Tudo sobre Balão Intragástrico.



Bonjour Cher.

Resolvi fazer alguns posts sobre procedimentos cirurgicos de redução de estomago e vamos começar falando tudo a respeito do Balão Intragástrico .

Atualmente, com a proibição pela ANVISA de muitos inibidores do apetite e também por ser a escolha do método cirúrgico (cirugias bariátricas) uma atitude irreversível e extrema, o Balão Intragástrico (BIB) passou a ser uma grande alternativa para aqueles que querem perder peso de forma rápida e saudável. A despeito dos efeitos colaterais iniciais da introdução do balão, ainda assim é um pequeno preço a se pagar quando comparado a outros métodos de emagrecimento. Trata-se de um dispositivo de silicone, com vida útil de aproximadamente 06 meses que, após bem posicionado no estômago por via endoscópica, é insuflado com 600ml (volume ajustável de paciente para paciente) de soro fisiológico e contraste.
Foi projetado para provocar uma sensação de saciedade precoce e diminuir a capacidade do reservatório gástrico, diminuindo com isso o consumo de alimentos e facilitando a adaptação a uma dieta hipocalórica associada a uma mudança na rotina de vida, incluindo atividade física.
Pacientes que usam o BIB estão capacitados a uma alimentação normal, especialmente líquido e dietas programadas.

Indicações para o Balão Intragástrico:

  • Pacientes com IMC acima de 35, refratários ao tratamento clínico, que apresentam contra-indicações para o tratamento cirúrgico ou não aceitam o tratamento cirúrgico e apresentam doenças associadas à obesidade.
  • Pacientes com IMC menor que 35 que apresentam doenças secundárias à obesidade ou refratários ao tratamento clínico habitual da obesidade por um período superior a três anos, contra-indicação de drogas utilizadas no tratamento clínico ou doenças secundárias ao tratamento medicamentoso (hipotiroidismo secundário, distúrbios psiquiátricos droga-dependente).
  • IMC menor que 30 para fins estéticos.
  • Preparo e seleção de pacientes com obesidade extrema (IMC > 50), para cirurgia de restrição gástrica (BIB teste).
  • Redução do risco anestesiológico (cirurgia bariátrica, cirurgia geral, cirurgia ortopédica, cirurgia cardiovascular, dispnéia de decúbito, apnéia do sono, etc).
  • Redução do risco cirúrgico (IMC extremo com doenças associadas).
  • Redução do risco clínico de doenças crônicas graves ou que causem invalidez.

Técnica de colocação do Balão Intragástrico:


O paciente émelhante ao de um procedimento de endoscopia digestiva, talvez um pouco mais profunda que aquela, sendo normal não lembrar de nada do procedimento após a sua realização.
O médico monitoriza a sua função cardíaca e respiratória, proporcionando conforto e segurança ao paciente durante todo o procedimento de colocação do balão.
Após a colocação, o balão é preenchido com soro fisiológico reduzindo o espaço interno do estômago, induzindo a saciedade precoce.
Ao lado, foto ilustra uma simulação da Técnica de Colocação do Balão Intragástrico.

Contra-indicações relativas do Tratamento com Balão Intragástrico:

  • Cirurgia gástrica prévia
  • Dependência de álcool ou drogas
  • Úlcera gástrica ou duodenal em fase ativa
  • Uso crônico de anticoagulantes
  • Doenças da colagem
  • Doença inflamatória intestinal (Crohn, RCUI)
  • Hérnia hiatal > que 5cm
  • Cirrose Hepática
  • Insuficiência Renal Crônica
  • Gravidez
  • SIDA

Contra Indicações Absolutas do Tratamento:

  • Doenças da transição gástrica potencialmente hemorrágicas (excluído as relacionadas à hipertensão portal)
  • Esofagite grau III
  • Esôfago de Barrett
  • Uso crônico de AINES

Procedimento


PRÉ- PROCEDIMENTO


Após sua tomada decisão em colocar o balão e após avaliação nutricional, chegou o dia do seu procedimento. O que fazer no dia do procedimento?
  • Use roupas e sapatos confortáveis.
  • Se você usa lentes de contato, sugerimos usar óculos no dia do procedimento.
  • Não use maquiagem, pois ela pode mascarar sinais clínicos.
  • Recomendamos que deixe seus pertences e objetos pessoais em casa.
  • Caso você tenha prótese dentária, recomendamos que o remova para realização do procedimento.
  • Você receberá uma receita de medicamentos para serem usados após a colocação.
  • Você precisa ter alguém para te levar para casa após o procedimento.

PROCEDIMENTO


Tanto a introdução como a retirada do balão são realizadas por endoscopia, sob sedação profunda, sem nenhum corte. O procedimento dura em torno de 30 a 40 minutos. É indolor. O paciente recebe, normalmente, alta no mesmo dia, uma ou duas horas após o procedimento, quando estiver totalmente recuperado dos efeitos dos sedativos.

PÓS-PROCEDIMENTO


A maioria dos pacientes têm cólicas, náuseas e vômitos por até 5 dias após a colocação do BALÃO.
Antes do seu procedimento, tenha pronto o seguinte:
• Suco natural (como maçã) e caldo
• Água de coco
• Isotônicos
• Picolés de fruta
• Bastante água
• Suplemento de vitaminas mastigáveis
• Medicamentos receitados por seu médico para aliviar quaisquer efeitos colaterais

Além disso:

Se você tiver crianças pequenas em casa, providencie com antecedência alguém para tomar conta delas por, pelo menos, três dias.
Se ficar em um hotel, por favor, hospede-se antes do seu procedimento e informe à clínica o número do seu quarto.
Antes de ser liberado da clínica, é recomendado que você já tenha pronto em seu quarto tudo o que vai precisar.
Seu acompanhante não pode deixá-lo sozinho nas primeiras 24 horas.
Neste ponto você já deu o primeiro passo de uma jornada que vai mudar sua vida.
O pontapé inicial já começou e hoje é o início de um processo que vai alterar o seu apetite, mudar sua perspectiva sobre os alimentos e proporciona-lo um estilo de vida ativo e muito mais saudável.
Você poderá ter dias difíceis pela frente, mas apenas lembre-se das razões pelas quais você escolheu fazer esse procedimento e do seu novo eu que está esperando no final dessa estrada.
Comprometa-se em seguir as recomendações indicadas pelo médico, a dieta prescrita pela nutricionista, a realizar exercícios físicos e as mudanças vão acontecer antes que você perceba. Tudo isso começa agora, mas tudo começa de verdade com você.

Bases para o sucesso

O BALÃO


O primeiro pilar do sucesso no Emagrecimento é o balão. Ele é a base do tratamento e o pontapé inicial para a sua mudança de vida.
O balão é um dispositivo de silicone flexível que é inserido no estômago por endoscopia e insuflado de 500 a 700 ml, com solução salina estéril e azul de metileno que permanece até 6 meses.
Desenvolvido para proporcionar uma sensação de saciedade precoce, o uso do balão reduz a ingestão de alimentos e facilita a mudança de hábitos e estilo de vida. Recentemente, o sistema Orbera da Allergan foi liberado para uso em pacientes com IMC a partir de 27 kg/m2, ou seja, para pacientes com sobrepeso e que busca apenas efeitos estéticos.


ACOMPANHAMENTO NUTRICIONAL


Além de proporcionar mais qualidade em suas refeições equilibrando e controlando a ingestão dos alimentos durante cada refeição, irá ajudá-lo a desenvolver bons hábitos que serão a chave para manter o peso após a retirada do balão.
O acompanhamento nutricional é também fundamental para diagnosticar fatores e antecedentes genéticos que podem levar ao sobrepeso, consequentemente à obesidade.
O nutricionista é parte da receita para um bom resultado.

EXERCÍCIOS FÍSICOS MODERADOS


O componente do exercício físico é inestimável. Ele fornece não apenas uma avaliação básica pré-procedimento do nível de condicionamento do paciente, mas também demonstra as mudanças e melhoras na saúde geral, no condicionamento e na aderência do paciente após a colocação do balão intragástrico. Já foi demonstrado que os resultados em pacientes que praticam exercicios físicos durante a permanência do balão são maiores, no que tange a perder peso, do que naqueles que não praticaram exercícios regulares.
Quando combinado com outras mudanças no estilo de vida, o exercício é importante para a redução geral do peso corporal e da manutenção subsequente da perda de peso.
Mais motivação e qualidade de vida no seu dia a dia, com indicação dos exercícios físicos adequados à sua estrutura corporal e a sua condição de saúde (caso haja alguma comorbidade), que poderá potencializar e produzir resultados através da otimização dos gastos calóricos, além de orientações sobre postura e alongamentos ideais para você, proporcionando em uma perda de peso mais saudável.

ACOMPANHAMENTO PSICOLÓGICO


O sobrepeso pode favorecer o surgimento de sintomas prejudiciais ao seu emagrecimento, como ansiedade, transtornos alimentares e até mesmo depressão.
O acompanhamento psicológico capacitado diagnostica estes problemas em graus variados de intensidade, tratando-os com seriedade e aumentando as suas perspectivas de sucesso no tratamento. Seu médico estará também apto a averiguar a indicação precisa de acompanhamento psicológico.
É essencial que antes de iniciar qualquer terapia de perda de peso, o paciente realize um profundo trabalho de mudança comportamental para se preparar para uma mudança na alimentação posterior a estes procedimentos e manter toda a programação necessária para a manutenção do peso perdido.
O psicólogo pode ajudar no sucesso do tratamento.

Beijos meus

Fonte: Texto do Dr. Jimi Scarparo
Postar um comentário

Total de visualizações de página