Seguidores

sexta-feira, 7 de outubro de 2011

Um breve histórico da Lipoaspiração



Bonjour chérs

Hoje vamos saber um pouco mais sobre o procedimento mais feito pelas Brasileiras
a campeã das cirurgias plásticas, "A Lipoaspiração"
Já postei de como é feito o procedimento



Agora saberemos como surgiu;)
Ótimo findi

Beijos Meus



Até o início da década de 1980, com o surgimento da lipoaspiração, a ressecção de pele era a única forma de retirar o excesso de gordura.
Esse procedimento causava muito sangramento, grandes hematomas e enormes cicatrizes.
No início da década de 1970, vários autores começaram a pensar em uma forma de substituir a técnica conhecida por método aberto.
Nesta época, Kesselring desenhou uma cânula com orifício lateral, mas de ponta extremamente cortante, o que acarretava em grande risco de lesar vasos, nervos ou órgãos.
Em 1974, outro autor, Giorgio Fisher, um cirurgião cosmético de Roma, inventou o conceito de retirada de gordura através de pequenas incisões na pele. Mas somente em 1977 é que Y. G. Illouz (França) apresentou uma cânula de extremidade romba acoplada à uma bomba de vácua, baseando seu conceito na teoria da tunelização, no qual a gordura retirada formava túneis, respeitando os vasos, nervos e órgãos nobres do corpo.
Sua técnica foi logo reconhecida pelas Sociedades Médicas da época e sua fama espalhou-se rapidamente, sendo considerado o “pai” da lipoaspiração. Em 1984, outro francês chamado Pierre Fournier introduziu novos aperfeiçoamentos, com as seringas descartáveis substituindo as bombas de vácuo, a criação de planos cruzados, nos quais se obtinha mais regularidade no resultado final e o conceito da infusão de soro gelado, ou a anestesia a frio, que causava menos perda sangüínea.
Foi ele quem introduziu também as cânulas de 3 a 5 milímetros, mais finas que as tradicionais e o conceito da Lipoescultura, no qual a gordura aspirada podia ser reinjetada para corrigir eventuais defeitos estéticos de outras partes do corpo. Jeffrey A. Klein, dermatologista da Califórnia, apresentou em 1986 sua técnica de anestesia tumescente, que permitiu a aspiração de várias áreas corporais apenas com anestesia local e sedação.
Essa técnica diminui a perda sangüínea, transformando a lipoaspiração, na maioria das vezes, em um procedimento ambulatorial. Em 1990, um cirurgião plástico de Roma, chamado Marco Gasparotti, introduziu a lipoaspiração superficial, na qual as cânulas eram introduzidas mais superficialmente, retirando a gordura sob a pele.
Este procedimento foi muito importante para o tratamento da celulite em grau avançado e nos casos da flacidez da pele, possibilitando a retirada parcial dos nódulos celulíticos e melhora na retração da pele após a lipoaspiração.


Beijos meus
Fonte : Belezain 
Postar um comentário

Total de visualizações de página