Seguidores

quarta-feira, 4 de janeiro de 2012

Envelhecimento das mãos


 Bon jour chers

Em uma de minhas sessões com uma cliente falavamos de tratamentos para rejuvenescer
e ela me disse que se ver uma mão é capaz de acertar ou chegar perto da idade da pessoa
Olhei imediatamente para as minhas mãos e pensei: será???? rsrs
e assim nasceu este post =)
Vem comigo.

As mãos estão entre as áreas mais importantes do corpo, não apenas pela sua função, responsável em grande parte pela evolução do homem ao longo de milênios, mas como unidade estética de um organismo sujeito ao envelhecimento. Devido ao seu alto grau de exposição às radiações solares e a uma certa negligência daqueles que se preocupam mais com a aparência facial, as mãos se tornam alvo de um processo degenerativo de resultados por vezes desastrosos.

Envelhecimento da pele

O envelhecimento da pele se dá através de dois mecanismos: o primeiro (ou intrínseco), relacionado a fatores genéticos e radicais livres produzidos pelo metabolismo. Osegundo, extrínseco ou fotoenvelhecimento, devido à ação dos raios ultravioleta (UV) do sol. Devido à maior facilidade de abordagem terapêutica, o fotoenvelhecimento acaba sendo considerado, na prática, sinônimo de envelhecimento da pele.

Sinais e sintomas

A mão fotoenvelhecida á caracterizada por uma série de alterações, como o adelgaçamento e ressecamento que a conferem uma cor amarelada, a diminuição das secreções glandulares e da pilificação, a redução da elasticidade, a presença de rugas e a acentuação de sulcos pré-existentes
Sobrepõem-se a estas alterações inúmeras lesões. As benignas são as melanoses solares (manchas senis), queratoses seborréicas (mais salientes), púrpuras senis (hematomas espontâneos ou fragilidade capilar), leucodermias gutatas (manchas brancas em confete), os mílios colóides (lesões milimétricas no dorso das mãos) e as telangiectasias (vasos dilatados). As queratoses actínicas se apresentam como pequenas lesões com crosta superficial e são consideradas pré-cancerosas. Os tipos de câncer de pele que mais freqüentemente acometem o dorso das mãos são os carcinomas espinocelular e basocelular, geralmente apresentando-se como feridas que não cicatrizam e que crescem progressivamente. Os melanomas são mais raros. São lesões pigmentadas, que se originam espontaneamente ou a partir de nevos (pintas) pré-existentes. O diagnóstico precoce pode ser a diferença entre o sucesso e o fracasso do seu tratamento.


Tratamento

Quando se fala em tratamento e prevenção do fotoenvelhecimento das mãos, imediatamente pensamos em fotoproteção. Além de se evitar a exposição solar desnecessária, a proteção diária é fundamental. Por ser uma área normalmente desprotegida pelas vestimentas, o uso de filtros solares se faz obrigatório. Existe uma ampla gama de filtros solares de excelente qualidade no mercado, com fatores de proteção solar (FPS) que vão de 15 a 100. Estes filtros apresentam amplo espectro de proteção contra os raios UV e têm cosmética bastante satisfatória, com textura e odor que pouco lembram os antigos “bronzeadores”. Entre os FPS 15 e 100, pouco importa, contanto que a aplicação seja homogênea, a reaplicação freqüente e a quantidade, adequada. É fundamental a escolha do filtro solar adequado ao tipo de pele de cada pessoa. Nesse caso, cabe ao médico dermatologista a individualização do tratamento.

Depois de instalado o quadro de fotoenvelhecimento, diversos tipos de tratamento podem ser realizados, com resultados variáveis. Todos os tratamentos descritos podem apresentar efeitos adversos e contra-indicações, especialmente durante a gestação e amamentação e devem ser prescritos obrigatoriamente pelo médico.

A tretinoína (ácido retinóico ou vitamina A ácida) é, sem dúvida, um dos principais pilares de sustentação do tratamento do fotoenvelhecimento das mãos. Isoladamente, reduz a rugosidade da pele e linhas finas, homogeneíza pigmentação, melhora textura e brilho. Pode ser associado à hidroquinona e ao acetonido de fuocinolona quando o fator despigmentação for fundamental.

A isotretinoína tópica geralmente apresenta menor índice de efeitos colaterais e, também, de sucesso no tratamento do fotoenvelhecimento em relação à tretinoína. A isotretinoína oral, consagrada no tratamento da acne, ainda não apresenta registro para tratamento do fotoenvelhecimento; entretanto, sabemos que pacientes que utilizaram este retinóide para tratamento de acne apresentaram melhora do aspecto cutâneo e de alterações de fotoenvelhecimento em geral.

Os cremes com DMAE prometem o efeito de lifting na pele (firmeza e tônus), principalmente na região da face, em apenas 12 semanas. Podem ser usado nas mãos, com resultados menos evidentes. Podem ser usados paralelamente à tretinoína. O ácido glicólico é um alfahidroxiácido amplamente utilizado no tratamento do fotoenvelhecimento, mas com resultados geralmente inferiores aos da tretinoína. A furfuriladenina é um fator natural de crescimento das plantas, com efeitos antienvelhecimento. A nicotinamida apresenta resultados pobres no tratamento das mãos, mas pode ser útil em situações especiais.

Compostos dermatocosméticos contendo ácido kójico, vitamina C, vitamina E ou retinol podem complementar o tratamento.

As esfoliações químicas (peelings) podem ser realizadas nas mãos. Por mais estranho que possa parecer, as mãos são mais sensíveis ao procedimento do que o rosto. Isto se explica pela alta concentração de glândulas sebáceas da face, que lhe conferem maior resistência. Os peelings superficiais são geralmente realizados utilizando-se tretinoína ou ácido glicólico em altas concentrações, ou a solução de Jessner. Os médios são realizados com ácido tricloroacético, um dos mais fortes ácidos orgânicos da natureza. São interessantes para o tratamento das manchas senis. Os peelings profundos são contra-indicados nas mãos.

As lesões benignas podem ser removidas sob anestesia local, com resultados estéticos excelentes se realizado por profissional cuidadoso. Pode-se tentar tratamento tópico para lesões pré-cancerosas.
O LASER e a luz intensa pulsada podem ser utilizados, especialmente como adjuvante no tratamento de manchas ou isoladamente para o tratamento de telangiectasias. Podem, também, ser úteis na remoção definitiva de pêlos indesejados. São procedimentos pouco dolorosos e de bons resultados. Seu custo, inicialmente proibitivo, tem se tornado bastante razoável nos últimos tempos.Os cânceres de pele podem, na maioria das vezes, ser tratados com cirurgia sob anestesia local, sem necessidade de internação, com excelente prognóstico e resultados estéticos variáveis.

Os cremes emolientes, especialmente os que contêm uréia a 10% e lactato de amônio a 12%, melhoram a umectação da pele e, conseqüentemente, seu aspecto e vitalidade.

Considerações finais

O envelhecimento das mãos tem hoje uma ampla gama de opções terapêuticas, de custos e resultados variáveis. A fotoproteção é fundamental em qualquer etapa da vida. Os profissionais que trabalham com o cuidado das mãos devem estar atentos a alterações de fotoenvelhecimento de seus clientes, encaminhando os casos pertinentes ao especialista.
A arte no tratamento do envelhecimento das mãos consiste na escolha do medicamento correto, suas melhores associações e na adequação às características da pele de cada indivíduo.
Fonte:  Dermatologia.com


Beijos meus
Postar um comentário

Total de visualizações de página